fbpx

Acompanhamento psicológico

Imagem Acompanhamento psicológico

A Clínica Conceber de Curitiba, buscando por um serviço de excelência na Reprodução Assistida, há 10 anos, conta com o serviço de Psicologia. Considerando que o ser humano é formado por um todo – mente e corpo, que atuam mutuamente e por isso, neste processo de busca pela concepção, o acolhimento deste todo tem sido fundamental

Por que é importante?

O apoio psicológico durante os tratamentos de infertilidade contribuem no acolhimento e orientação ao casal ou paciente, uma vez que o “turbilhão” emocional despertado durante os processos, costuma gerar um grande nível de ansiedade. Em muitos casos as pessoas se sentem solitárias, relatando que percebem pouca empatia com o que estão vivenciando e muita cobrança para resultados favoráveis.

Os pacientes precisam lidar com o intenso processo emocional, por isso, sendo a psicologia a ciência que estuda o “comportamento humano”, cabe ao profissional da área esse papel.

Benefícios do acompanhamento psicológico:

  • Sentirem-se mais amparados durante todo o tratamento,
  • Redução do nível de ansiedade.
  • Fortalecimento do casal.
  • Melhor comunicação com a equipe clínica.
  • Maior segurança nas decisões dos tratamentos.
  • Espaço para trocas e esclarecimento de dúvidas.

Todo paciente precisa de orientação psicológica?

Todos podem se beneficiar de um atendimento psicológico, porém esta decisão é pessoal e deve ser tomada de forma voluntária. Aqueles que reconhecerem a importância desse suporte tendem a beneficiar-se de forma muito positiva quando estão em contato a orientação psicológica. Pesquisas e estudos na área tem demonstrado a importância deste acompanhamento.

O atendimento é individual ou em casal?

Pode ser feito das duas maneiras, há uma tendência da mulher procurar inicialmente, contudo salientamos que o desejo e a decisão de ter um filho costuma ser do casal e que num olhar sistêmico a família se constitui com influências diversas. O psicólogo poderá orientar para atendimentos específicos quando necessário.

Quanto tempo dura a orientação psicológica?

O tempo pode variar dependendo de cada situação. O indicado é que ao menos, possa acontecer durante o tratamento. Quando se fizer necessário os pacientes poderão ser encaminhados ao consultório e a escolha do profissional é de decisão do paciente.

Que local os atendimentos são realizados?

Na própria clinica Conceber e sem custo adicional.

Equipe de Psicologia:

Anielle Travain e Rachel Machado Tardin.
Atualmente participam do grupo do Consenso de Psicologia, iniciado em agosto de 2012 no XVI Congresso Brasileiro de Reprodução Humana, realizado no Guarujá – SP. Desde então, as profissionais participam dos congressos de RHA, publicam artigos científicos e capítulos de livros, como:

    • Impacto da Infertilidade, Revista Contato CRP08 – http://www.old.crppr.org.br/revistas/104.pdf
    • I Consenso de Psicologia em Reprodução Assistida – SBRA (Sociedade Brasileira de Reprodução Assistida).
    • Organizadoras: Malamed Rose M, Straube Katia, Editora: Livre Expressão 2012, com o capitulo: Avaliação Psicológica da Paciente Infértil.

    • O artigo publicado na Revista Brasileira de Terapia Familiar Vol. 5, n. 1, julho de 2012 – http://aprtf.com.br/wp-content/uploads/2014/11/artigo-01-def.pdf
    • Temas Contemporâneos de Psicologia em Reprodução Humana Assistida, Organizadoras: Malamed Rose M, Straube Katia, 2015 ed Livrus. Com o capítulo: O Tempo e a Reprodução Humana Assistida.
    • Guia de Recomendações de atenção Psicossocial nos centros de Reprodução Assistida, editor Soul, organizadoras: Malamed Rose M, Straube Katia, 2018

    Anielle Stipp Amador Travain

    • Psicóloga formada pela UFPR;
    • Especialista em Psicoterapia Psicanalítica pela USP-SP;
    • Especialista em Psicologia Clínica e Hospitalar pelo CRP-PR;
    • Analista em Formação pela SBP-SP( Sociedade Brasileira de Psicanálise e São Paulo) ligada a IPA.

    Rachel Machado Tardin

    • Psicóloga formada pela PUC Rio
    • Terapeuta Familiar pelo IPUB UFRJ.
    • Vice presidente da Associação Paranaense de Terapia Familiar 2014-2016.
    • Cursou Mindfulness for Daily Living (MDL), com Jyothi Shyamsunder em Bangalore Índia, onde residiu 2015 até 2018. – https://www.psicologaracheltardin.com.br